Prefeitura amplia limpeza do sistema de drenagem em até 63%

Atualizado em: 16 mai 2016 às 08h
 

A limpeza permanente do sistema de drenagem urbana pela Prefeitura visa facilitar o escoamento das águas durante as fortes chuvas, evitando e minimizando alagamentos. O trabalho teve crescimento de até 63% nos quatro primeiros meses de 2016 (janeiro a abril), na comparação com o mesmo período do ano passado.

O serviço é realizado pela Prodesan, sob supervisão da Secretaria de Serviços Públicos (Seserp), e conta com cerca de 70 profissionais. Uma equipe atua exclusivamente nos Morros, cuidando da limpeza das caixas de sopé, canaletas e escadas hidráulicas.

Outras quatro equipes (duas pela manhã e duas à tarde) cuidam das outras regiões com o apoio de dois caminhões de hidrojato, além de duas equipes próprias para a limpeza dos canais - estas com auxílio e desassoreamento mecanizado com escavadeira sobre esteira.

Solicitações

A definição dos locais de trabalho segue os pedidos feitos pelos munícipes via Ouvidoria ou diretamente nas subprefeituras. “Também priorizamos as áreas mais sujeitas a alagamentos, como a entrada da Cidade e alguns bairros da Zona Noroeste”, explica o coordenador técnico da Seserp, Flávio Guerra, que supervisiona as intervenções na rede de drenagem.

O cronograma é publicado no Diário Oficial às segundas-feiras, o qual indica as vias programadas por bairro.

Saiba mais

A limpeza é feita manualmente com pás de galeria e, de forma complementar, com hidrojatos - jatos de água em alta pressão para desobstruir as tubulações. Além de lama, lixo, garrafas e outros objetos, há casos em que são encontrados até resíduos da construção civil, como restos de concreto.

Quando isso ocorre, a Secretaria de Meio Ambiente (Semam) é comunicada para fiscalizar as obras e imóveis e adotar as medidas necessárias.

As equipes também identificam problemas estruturais, como afundamentos dos ramais (manilhas deslocadas), tampas dos poços de visita defeituosas ou bocas de lobo danificadas. Imediatamente, a necessidade de reparos é passada para a subprefeitura responsável pela área, que irá programar a intervenção.

Como funciona

- A Seserp programa as vias que receberão a limpeza do sistema de drenagem de acordo com as solicitações dos munícipes e áreas mais críticas; 
- No local, inicialmente uma equipe realiza a limpeza manual com pás de galeria e, na sequência, outro grupo de profissionais faz o hidrojateamento (jato de alta pressão) para desobstruir os pontos onde as pás não alcançam; 
- A força do jato leva a sujeira até os poços de visita, onde é retirada de forma manual; 
- Assim, o sistema fica desobstruído e permite a vasão da água da chuva de forma mais eficiente, evitando ou diminuindo os pontos de alagamento nas vias públicas.

Foto: Ronaldo Andrade

 

Fonte:http://www.santos.sp.gov.br/?q=noticia/893009/prefeitura-amplia-limpeza-do-sistema-de-drenagem-em-63